ARTIGO /

Ana Freitas* e Mario Novello** //

Este trabalho consiste em um diálogo entre a artista plástica Ana Freitas e o cosmólogo Mario Novello, na tentativa de produzir uma imagem que represente e seja fiel ao conceito de espaço-tempo da física moderna. O que salta aos olhos é  a dificuldade de se encontrar uma imagem capaz de simbolizar no imaginário do artista um conceito científico.

- – - – -

 

- – - – -

*Ana Freitas é artista plástica representada pela galeria Portas Vilaseca no Rio de Janeiro – www.portasvilaseca.com.br. Muitas de suas obras são resultado de um aprofundamento conceitual e visual de um tema. Tempo, geometria, morfologia da natureza e processo criativo fazem parte do seu universo de investigação em diferentes meios, tais como desenho, fotografia, livro de artista, gravura e escultura.

**Mário Novello é doutor em física pela Universidade de Genebra, Suíça, pesquisador do Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (CBPF) e fundador do Instituto de Cosmologia, Relatividade e Astrofísica (ICRA). Em 2004 recebeu o título de doutor honoris causa da Universidade de Lyon, França, por seus estudos sobre a origem do universo. Escreveu dois livros em que aborda o tema ‘tempo’: Máquina do tempo, um olhar científico e Do big bang ao Universo eterno.

Em 2013 será inaugurada a exposição Tempo. Para receber o convite ou fazer comentários e sugestões sobre este artigo, envie um e-mail para anafreitasmachado@yahoo.com.br